28/07/2017

Resenha: O Terceiro Testamento

Título: O Terceiro Testamento
Autor: Christopher Galt
Editora: Jangada
ISBN: 9788555390760
Ano: 2017
Páginas: 416
Compre: Aqui

Sinopse:

O mundo parece estar enlouquecendo!
Em toda parte, as pessoas começam a ter visões. Um adolescente francês assiste Joana D'Arc ser queimada na fogueira, e até tenta tirar uma foto com o celular, e a presidente dos Estados Unidos tem visões de seus antecessores dentro da Casa Branca. Ninguém sabe se essas misteriosas aparições são uma espécie de alucinação coletiva, uma doença virótica causada por bioterrorismo ou se são sinais do Apocalipse. Ocorrem suicídios em massa em várias partes do mundo, e o psiquiatra e neurocientista John Macbeth, à frente de um projeto para criar uma inteligência artificial autônoma, busca freneticamente uma resposta antes que seja tarde demais. Ele descobre que a verdade por trás de tudo pode mudar os rumos da humanidade para sempre. E até custar a sua vida. Uma história eletrizante que o fará questionar sua perspectiva da realidade. E até mesmo a sua sanidade.

Resenha:

Estamos nos tornando... Estamos nos tornando... Estamos nos tornando... Profunda, bela e, ao mesmo tempo, assustadora, “estamos nos tornando” é a frase que John Macbeth tem encontrado em muitos lugares. Ele não sabe muito bem o que isso significa, mas tal frase vem acompanhada de acontecimentos estranhos e imprevisíveis.

Aliás, falando em acontecimentos estranhos, o mundo ficou louco de vez. As pessoas, em todas as partes, estão tendo alucinações, ora individuais, ora em grupo. Há quem veja a pré-história, animais extintos; outros encontram cataclismos passados; há também quem visualize personagens históricos ou, até mesmo, a si mesmo no passado. Ninguém sabe explicar o que está acontecendo, nem mesmo John, um dos mais importantes psiquiatras e neurocientistas do mundo.


Acompanhando essas visões, os fundamentalistas se tornam ainda mais violentos. Fim do mundo, vingança divina, apocalipse, manifestação dos deuses... Cada grupo religioso extremista acha um motivo diferente para justificar os eventos e para matar cientistas. Afinal, foram estes que atraíram a ira dos deuses, pois tentam alcançar certos conhecimentos que não deveriam ser explorados. Absurdo, não é?! A resposta não é tão óbvia. O motivo? Você terá que conferir o livro.

Partindo dessa premissa, Christopher Galt cria um livro inteligente, forte e altamente envolvente. Como o Daily Mail muito bem afirmou, Galt realmente consegue fazer a união entre Crichton e Matrix; daquele, o livro herdou a ficção científica apurada, com referências a muitos autores e teorias. De Matrix, encontramos a preocupação com o futuro, a revolução e a fusão do homem com a máquina, o futuro numa realidade alternativa. De ambos, o livro tem as críticas sociais, os dilemas éticos, e o “se” que tanto intriga os pensadores.

Contribuindo para essa excelente construção, temos personagens fortes, profundos e muito bem trabalhados. De todos, o que se destaca é Macbeth. O cientista luta contra a lógica, contra seus conhecimentos e contra a sua própria mente a fim de tentar dar um sentido aos fenômenos que estão acontecendo. No personagem incorporam-se a lógica científica, a descrença em si mesmo – visto que em alguns momentos a sua mente o sabota – e, também, a dificuldade da interação social.


O autor ainda nos brinda com uma escrita envolvente e altamente profunda. Suas descrições são maravilhosas e nos transportam para outros períodos sem dificuldades. Nesse sentido, sobressaem as descrições presentes nos últimos capítulos, onde Galt consegue mesclar o máximo da adrenalina com imagens assombrosas, lembrando muito bem um filme bem produzido. Por fim, encontramos ainda um final monumental, no melhor estilo de Pierre Boulle.

Para completar a ótima obra, a Jangada preparou uma edição maravilhosa. A capa ilustra perfeitamente o que iremos encontrar no enredo; a diagramação está boa e confortável, apesar de bem simples. Temos também uma excelente tradução e uma revisão boa, com pouquíssimos erros, que não atrapalham a leitura. Ou seja, tudo contribui para uma leitura prazerosa.



Em suma, O Terceiro Testamento é uma obra forte, profunda e que é uma excelente oportunidade para quem deseja mergulhar no campo da ficção científica. Sem dúvidas, uma leitura muito indicada.   


Comentários
16 Comentários

16 comentários:

  1. Estamos nos tornando... Nossa, que resenha! Doloroso escrever isso, mas é algo que pode te fato acontecer. Estamos nos perdendo, nos perdendo da nossa essência, dos nossos valores... Estamos todos numa bolha particular. Como se esse caos fosse a terceira guerra mundial, mas não entre países e sim, entre o eu e a mente.
    Queria ter visto um pouco mais dos outros personagens, além de Macbeth.
    Uma obra fantástica pra quem curte o gênero.

    ResponderExcluir
  2. Marcos!
    Já eu amo livros de ficções e fiquei fascinada por ver que traz os detalhes das terminologias tratadas no livro.
    Um thriller onde há uma epidemia que pode exterminar os moradores da terra, traz um tremendo suspense e grande curiosidade da minha parte para poder fazer a leitura.
    Bom final de semana!
    “Ciência é conhecimento organizado. Sabedoria é vida organizada.” (Immanuel Kant)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JULHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Não sou muito fã de ler ficções, mas esse parece ser dos bons!
    Gostei bastante da sua resenha. Deve dar um pouco de medo essa leitura, porém muito legal também!
    Vou tentar ler em breve.

    ResponderExcluir
  4. Achei a proposta do livro bem diferente e interessante, essa confusão entre épocas e a inspiração em Matrix já me ganharam sem muito esforço, rs. Ótima resenha.

    ResponderExcluir
  5. Fiquei interessada nesse livro, uma verdadeira tragedia o que esta acontecendo e achei um mistério o que pode estar causando isso, a leitura deve ser envolvente e que deixa o leitor ávido por respostas.

    ResponderExcluir
  6. Ficção nunca foi meu forte, mas fenômenos assim, sim! Então, claro que fiquei babando na resenha.
    Não conhecia o livro,mas fiquei me imaginando tendo estas visões. O pânico,questionamentos e o tentar entender tudo que está havendo.
    Será uma promessa de futuro?
    Beijo

    ResponderExcluir
  7. Também não sou muito fan do gênero, mas após ler sua resenha tão bem descrita sobre esta estória foi bem difícil não se sentir atraída a leitura, até porque adoro este tema apolitístico abordado em livros. Ainda mais quando e de uma forma tão bem construído e desenvolvido quanto esta trama. Fiquei curiosa para saber como será o desfecho desta trama.

    Participe do TOP COMENTARISTA de Julho, para participar e concorrer aos livros "O Casal que mora ao lado" e "Paris para um e outros contos".
    http://petalasdeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá Marcos!!
    Adorei conhecer esse livro, se o gênero já em agrada imagina um bom enredo?
    Gostei bastante!
    Qro ler em breve!
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Não é um livro que eu leria, mas depois desta resenha quem sabe...
    Não leio muito Thriller, e nem nada apocalíptico, mas gostei da ideia deste livro.

    ResponderExcluir
  10. A Renata que leu este livro pro blog e ela AMOU o livro!!
    E eu amei sua resenha também. Gostei da trama mesmo, quem sabe um dia eu consiga lê-lo :)

    Bjks

    ResponderExcluir
  11. Oi, Marcos!!
    Que livro mas legal!! Adoro livros de ficção e se autor colar pitadas de Matrix na estória já estou atraída pela a narrativa!!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  12. Marcos, suas resenhas são simplesmente demais!

    Já tinha lido uma ou outra resenha desse livro, mas nenhum me despertou o interesse por essa história como você fez comigo, cara. Sua resenha tá perfeita!

    Pelo visto, os personagens do livro são de fato bem marcantes e fortes, o que é superimportante numa narrativa.

    Parabéns pelo seu trabalho, por esse blog incrível, do qual sou maior fã. Toda semana dou uma passada aqui pra ver se tem novidades.
    Um abraço, Dieison, do RS.

    ResponderExcluir
  13. Gente que livro louco KKKKKKKKKKK fiquei assustada só pela resenha e a sinopse, " estamos nos tornando" geente que fraseee, é ate um pouco assustadora . O livro é muito interessante, nunca li um livro que abordasse esse tipo de tema apocalíptico, mas confesso que fiquei muito curiosa, ainda mais em saber qque os personagens são bem construídos e fortes!! Quero dar uma chance a leitura.

    ResponderExcluir
  14. Eu achei bem diferente este livro, em que pessoas em todas as partes do mundo, estão tendo alucinações.
    Após ler sua resenha, fiquei muito curiosa para ler este livro, para saber o por quê dos acontecimentos, das visões das pessoas, adicionei este livro em minha lista de leituras.

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Ainda não conhecia esse livro e gostei muito dos seus comentários. Li poucos livros do gênero e acabei não gostando muito dos que li. Será que com esse vai ser diferente?
    Espero que sim asuhhusa
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. I want to let the world know about Doctor AKHERE the Great spell caster that brought back my husband to me when i thought all hope was lost. Doctor AKHERE used his powerful spell to put a smile on my face by bringing back my man with his spell, at first i thought i was dreaming when my husband came back to me on his knees begging me to forgive him and accept him back and even since then he loves me more than i ever expected so i made a vow to my self the i will let the World know about Doctor AKHERE because he is a God on earth. Do you have problems in your relationship ? have your partner broke up with you and you still love and want him back ? Do you have problem with your finance ? or do you need help of any kind then contact Doctor AKHERE today for i give you 100% guarantee that he will help you just as he helped me. Doctor AKHERE email is: AKHERETEMPLE@gmail.com or
    call/whatsapp:+2349057261346

    ResponderExcluir

© Desbravador de Mundos - Todos os direitos reservados.
Criado por: Marcos de Sousa.
Layout por Fernanda Goulart.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo